Um palco de vivência ambiental para que as pessoas possam interagir de maneira diferente com a fauna e a flora da Mata Atlântica. Esse é o principal objetivo do mais novo espaço verde de ecoturismo instalado em São Bernardo: o Parque Ecológico Imigrantes, que será inaugurado no dia 29 do mês que vem e poderá ter visitas gratuitas agendadas a partir de dezembro.

O local, com cerca de 490 mil metros quadrados de extensão dentro da mata, terá uma parcela do espaço aberta para a população, que poderá subir em uma passarela elevada a oito metros de altura, ficando ao lado da copa das árvores. Além disso, o parque conta com seis trilhas de diferentes níveis de dificuldade, um elevador de plano inclinado, conhecido popularmente como bondinho, e acessibilidade para cadeirantes.

Os visitantes poderão ver e sentir a flora, composta por aroeiras, samambaias e outras espécies, e a fauna, que contém raposas e macacos. “A anta, o maior herbívoro da América do Sul, também é nativa da mata”, explicou o ambientalista e membro do comitê gestor do parque Flávio Lessa.

Ele também afirma que o equipamento foi planejado com responsabilidade com a natureza. “O espaço teve cerca de 92% do material da obra, como terra, entulho e madeira, reutilizado, o que nos garantiu certificado socioambeital internacional.”

Localizado no quilômetro 34,5 da rodovia dos Imigrantes, no sentido São Paulo, o parque começou a ser idealizado há 11 anos e contou com cerca de R$ 14 milhões de investimento. A construção foi um presente do Instituto Kunito Miyasaka ao Brasil. A instituição é ligada à colônia japonesa no país.

“É um legado deixado para a integração entre Brasil e Japão. O instituto vislumbrou que poderia criar uma enorme ferramenta para vivência e conscientização ambiental”, explicou o

ambientalista.  

 

https://www.metrojornal.com.br/foco/2018/10/22/quando-abre-o-parque-ecologico-imigrantes-sao-bernardo.html